Desactualização

Segundo o serviço de pesquisa de mapas e imagens de satélite do Google, Díli continua a arder da mesma forma que ardia em 1999.