Friques

R. explica-me que os friques foram inventados em Berlim. Vestidos de preto, malabaristas, embriagados e sempre com o cao atras. Explica-me que no regime de proteccao social da antiga Alemanha Ocidental tinham direito a um subsidio do estado e que este era reforcado se tivessem um cao para alimentar. Assim se explica que nao se veja um grupo de friques em Berlim sem uma meia-duzia de caes a volta.

Ora em Portugal, ainda que um frique consiga aceder ao Rendimento Social de Insercao este nao cobre os custos de alimentar um canideo. Mais, um cao grande tipo pastor-alemao ainda custa um bocado a alimentar. Muito mais certamente que um rafeirito ou um caniche. Dai que os nossos friques ou gostam mesmo muito de caes grandes ou ainda nao perceberam que em contextos em que o cao nao traz vantagens financeiras talvez fosse melhor dispensa-lo da indumentaria.