Memória indescritível

A chapa de zinco impermeabiliza a estrutura, ao passo que o gamuti, aplicado sobre esta, transporta consigo a familiaridade e o reconhecimento da tecnologia tradicional. Mas não é apenas de uma artimanha construtiva que se trata, é de um conflito. Um conflito entre a eficácia maquinal do zinco e a beleza artesanal das fibras vegetais do gamuti. O desenvolvimento contra a memória.

Não escondemos o zinco, porque queremos tornar evidente esse conflito. Porque para lá desta cobertura que apenas procura proteger da chuva e do sol, há um país que se desenvolve, correndo o risco, a cada dia, de perder as suas raízes.